O estudo das doenças do sistema nervoso evoluíram muito nos últimos anos, tanto no diagnóstico como no tratamento. Exames complementares tais como tomografia computadorizada, ressonância magnética, mapeamento cerebral, etc, têm contribuído para diagnósticos mais precoces e mais precisos e consequentemente tratamentos mais objetivos.

Novos medicamentos surgiram e doenças antes consideradas intratáveis ou de difícil controle, como enxaqueca, convulsões complexas, doença de Parkinson, esclerose múltipla, cisticercose do sistema nervoso, etc, passaram a ter um tratamento mais adequado, fazendo com que os pacientes portadores destas enfermidades passassem a ter uma vida melhor e serem mais felizes. Mensalmente estaremos relatando uma doença neurológica para melhor conhecimento da população.

O desenvolvimento dos métodos diagnósticos e tratamentos das doenças neurológicas tem contribuído enormemente com uma melhor qualidade de vida dos pacientes e menor número de sequelas.

Doenças muito frequentes como dor de cabeça e dores provocadas por hérnias de disco são exemplos significantes dessas mudanças.

A Clínica


Rua Senador Souza Naves, 726, 86010-160, Centro, Londrina/PR


43 3322-4448


neuro@neurolondrina.com.br

Últimas Notícias